Ultegra RX uma novidade muito esperada pelos Graveleiros!

Aqui na Velodrome já virou uma tradição ciclistas de estrada, cyclocross, adventure bike ou gravel nos procurarem para achar soluções mais adequadas do que os grupos de estrada atrelados aos passadores de marcha STI, os ciclistas de ultra-distância, e gravel sempre buscam relações mais “leves” de marchas seja para enfrentar ladeiras muito íngremes seja para “girar” mais nas subidas, afinal na longa distância paciência e persistência são os grandes qualidades!

O câmbio traseiro Ultegra RX foi flagrado em bikes da equipe Trek Segafredo durante o Ronde Van Vlaanderen também conhecido como Tour de Flandres. Uma das clássicas com trechos em paralelepípedo foi o ambiente escolhido para o grand debut em provas do novo equipamento. Em seguida a Shimano anunciou o câmbio e vai soltar uma série de novos produtos nos próximos dias e semanas. Mas afinal o que tem de novo nesse câmbio?
Ele aceita cassetes de até 39 dentes, o R8000 aceita até 34. Por conta do sistema Shadow Plus há redução de “slapchain” que é a corrente chacoalhando em excesso e batendo no chainstay muitas vezes causando queda da corrente do cassete ou das coroas, e em alguns casos o chamado “chainsuck” que é quando a corrente fica presa entre o quadro e as coroas. Na verdade qualquer queda de corrente pode gerar danos graves à bicicleta, pois ele pode se prender entre cassete e os raios ou entre o quadro e a coroa menor do cassete o prejuízo pode ser desde raios quebrados, até câmbio, corrente, gancheira e em casos mais raros quadros tortos ou quebrados, isso tudo sem contar que vai estragar o pedal, que dependendo da situação vale mais do que qualquer peça da bike!
O Shadow Plus foi herdado de câmbios de Mountain Bike ( MTB ), e deixa o câmbio um pouco mais duro, isso gera inclusive maior gasto de bateria no sistema eletrônico Di2.

O novo Ultegra RX foi lançado em duas versões eletrônica e mecânica! Os códigos dos dois novos câmbios são RD-RX800 mecânico e RD-RX805 Di2 electrônico. Um detalhe interessante, o Ultegra RX é totalmente compátivel com os sistemas anteriores de estrada de 11 velocidade, isso significa que se você tem passadores da linha 105 5800, Ultegra 6800 ou R8000, Dura Ace 9000 ou R9100 você pode usar a versão mecânica o RX sem problemas, assim como na versão eletrônica pode-se usar o RD0RX805 com cambio dianteiro e passadores das linhas:  R8050, 6850, 9170. Misturar os grupos eletrônicos de Mountain Bike com os de estrada ainda é um ciência não exata e se hoje você conseguir misturar, amanhã a Shimano com uma atualização de sistema pode acabar com a sua festa, como já fez anteriormente…

Deixamos vocês com algumas imagens dos novos câmbios da Shimano e ainda deixamos a pergunta no ar, você acha que o gravel merece um grupo inteirinho dedicado à modalidade? Nós, e pensamos que se a Shimano tivesse apostado no gravel ao invés do Metrea urbano por exemplo teria acertado mais coelhos…

images Shimano-Ultegra-RX-derailleur_Shadow-RD_clutched-road-bike-rear-derailleur_Di2-electronic-RX805_Trek-Segafredo-rear-mech ultegraclutchmech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *